sábado, 10 de abril de 2010

Atributos de chefe

O elefante e a cobra

Com este texto encerra-se o curso intensivo de «técnicas modernas de gestão». Trata-se de um encontro ocasional em que
Um elefante vê uma cobra pela primeira vez.

Muito intrigado pergunta:
- Como é que fazes para te deslocar? Não tens patas!
- É muito simples - responde a cobra - rastejo, o que me permite avançar.
- Ah... E como é que fazes para te reproduzires? Não tens testículos!
- É muito simples - responde a cobra já irritada - não preciso de testículos,
ponho ovos.
- Ah... E como é que fazes para comer? Não tens mãos nem tromba para levar a comida à boca!
- Não preciso! Abro a boca assim, muito grande, e com esta enorme garganta engulo a minha presa directamente.
- Ah... ok! Ok! Mas então, resumindo.... rastejas, não tens testículos e só
tens garganta...
… És Chefe de quem ?????!!!

2 comentários:

Fernanda disse...

Querido amigo João,

Hoje acordou com um humor fora de série.

Já me fartei de rir, especialmente com este post.

Boa pergunta????

Beijinhos

A. João Soares disse...

Querida Ná,

Tem graça e aplica-se a grande parte dos chefes, embora haja boas excepções, como a nossa amiga Celle costuma dizer e referir o marido. Também fui chefe e nunca rastejei, chegando a tomar atitudes fortes perante os de cima, tendo em atenção a defesa dos de baixo. Creio que essa forma de relacionamento transparece das posições que por vezes aqui tenho tomado, embora aqui estejamos todos num mesmo nível de relacionamento.
O respeito pelos outros, o civismo, deve sempre prevalecer, mas nem sempre acontece, infelizmente.

Beijos
João