terça-feira, 5 de outubro de 2010

A crise exige líderes válidos


Frei Fernando Ventura faz alertas para a urgência e a seriedade de medidas bem pensadas para enfrentar a cride de forma estratégica, estruturante para garantir um futuro melhor.

2 comentários:

O Guardião disse...

Hoje os políticos encheram a boca com a palavra RESPONSABILIDADE mas ainda não ouvi nenhum dizer que era responsável pela situação actual do país.
Cumps

A. João Soares disse...

Caro Guardião,

Eles usam palavras banais, para ofuscar o entendimento dos papalvos. Nem sabem o que realmente pretendem dizer. Seria preferível que se sentissem responsáveis pelo futuro do país e explicassem as linhas estratégicas para a saída da crise, mas nem sequer sabem o que é tomar decisões inseridas numa linha estratégica. Decidem por capricho e, mesmo sendo asneira incoerente, teimam nela.
Sócrates fala na primeira pessoa do singular... eu... e apresenta os seus entendimentos como indiscutíveis. Age como o Luís XIV, que dizia o Estado sou eu. Julga-se o único inteligente e sensato num País de doidos e atrasados mentais. Que diferença faz isto de uma democracia?

Abraço
João
Só imagens