sexta-feira, 23 de março de 2012

Para vencer o «impossível»

Ter sucesso depende muito da sua atitude.
Deixar o sucesso entregue ao acaso não é um erro, é uma grande asneira. Conseguir atingir objetivos requer muito mais do que sorte e, mesmo essa, se constrói. Se nem sempre chega à meta e ainda mais raramente a corta em primeiro, tente mudar de método, é mais fácil do que mudar-se a si próprio.

Por que é que você foi tão bem-sucedido a alcançar alguns dos seus objetivos, mas noutros não? Se não sabe, está longe de estar sozinho na sua confusão. Acontece que até as pessoas brilhantes e altamente realizadas não são nada boas no que diz respeito a compreender como é que tiveram sucesso ou fracassaram. A resposta intuitiva — que se nasce predisposto para determinados talentos e sem jeito nenhum para outros — é realmente apenas uma pequena peça do puzzle. Na realidade, décadas de investigação sobre sucesso sugerem que as pessoas bem-sucedidas alcançam os seus objetivos não só por causa de quem são mas, mais frequentemente, devido ao que fazem.

O artigo 9 coisas que as pessoas de sucesso fazem de maneira diferente, explica as seguintes nove dicas:

1. Seja específico.
2. Aproveite o momento para seguir os seus objetivos.
3. Saiba exactamente quanto lhe falta para conseguir.
4. Seja um optimista realista.
5. Concentre-se em melhorar, em vez de ser bom.
6. Seja perseverante.
7. Desenvolva o seu músculo da força de vontade.
8. Não abuse da sorte.
9. Concentre-se no que vai fazer, e não no que não vai fazer.


Imagem do Google

2 comentários:

O Guardião disse...

Há a sorte que se conquista e a sorte que nem todos têm. Diz-se que o Sol quando nasce é para todos mas as nuvens andam por aí...
Cumps

A. João Soares disse...

Caro Guardião,

«Ganharás o pão com o suor do teu rosto». Estes nove conselhos ajudam muito quem os puser em prática, a ter êxito e poder sentir o prazer dos resultados. Quem se sente feliz por ter tido um êxito e deita «à sombra da bananeira» certamente vai ter um futuro sombrio. É o que acontece a alguns meninos prodígios que não aprenderam a procurar melhorar, permanentemente, e a reforçar a força de vontade.

Há alguns anos a TVI fez uma pesquisa para saber as mudanças da vida das pessoas premiadas com elevados prémios da lotaria e do totoloto. A quase totalidade continuou a levar a vida de antes, alguns pioraram por se terem habituado a muito dinheiro que deixaram desaparecer depressa. Uns poucos souberam tirar um bom proveito do prémio e passaram a beneficiar de um rendimento controlado e duradouro.

Na vida tudo que é bom chega como resultado de um esforço e é preciso que se saiba gerir o investimento de esforço, de trabalho e de tempo, com uma atenção permanente e bem esclarecida.

Estas nove regras são resultado de estudo aturada e constituem óptimo conselho especialmente destinado aos mais jovens antes de se viciarem em hábitos nefastos.

Bom fim-de-semana
Abraço
João